O que é empoderamento feminino? Confira.

Muitos querem saber! Afinal, o termo empoderamento feminino foi o mais procurado no Brasil em 2016, de acordo com um estudo divulgado pelo site Shutterstock. Mas a dúvida ainda permanece porque existem muitos estigmas em torno da palavra empoderamento.

Significado

A origem:

A palavra empoderamento tem origem no inglês. Vem do verbo “empower” e o significado é dar poder ou autoridade; autorizar por meios legais ou oficiais; permitir ou habilitar alguém a fazer algo (Thesaurus Dictionary).

Em um conceito geral, empoderamento quer dizer:

“Empoderamento é a ação social coletiva de participar de debates que visam potencializar a conscientização civil sobre os direitos sociais e civis. Esta consciência possibilita a aquisição da emancipação individual e também da consciência coletiva necessária para a superação da dependência social e dominação política.”

Enquanto empoderamento feminino:

Empoderamento feminino é o ato de conceder o poder de participação social às mulheres. Garantindo que possam estar cientes sobre a luta pelos seus direitos, como a total igualdade entre os gêneros, por exemplo. consiste no posicionamento das mulheres em todos os campos sociais, políticos e econômicos.

Quebrando o estigma

Entã0 se você associava empoderamento feminino como uma desculpa para odiar homens ou andar de topless, entenda que não é por aí. Mas é fato que empoderamento feminino tem muito mais relação com assegurar nosso direito de voto (garantido há apenas 87 anos!), direito de amamentar os filhos que cuidamos sem intimidação ou constrangimento.  Com a segurança em andar na rua e não ser agredida sexualmente e por aí vai. É mais sobre terminar um relacionamento sem medo de morrer (as estatísticas não mentem) do que sobre odiar homens.

Além disso, uma mulher empoderada é uma mulher consciente do seu lugar e espaço. Ela luta pelos seus direitos, principalmente o de ir e vir (sem ser assediada), por representatividade (ocupando espaços e cargos políticos e pouco usuais) e pela garantia dos direitos básicos de todas as mulheres. O empoderamento feminino só é possível dentro da coletividade, a partir de redes de apoio.

Redes de apoio

Uma forma de levar as mulheres à independência é através do empoderamento financeiro. Com autonomia para se manter, a mulher se fortalece e pode fortalecer outras ao seu redor. Pensando nisso muitas mulheres se unem com o propósito de crescer através da sororidade. Elas divulgam, fortalecem, fazem permutas, indicam serviços feitos por produtoras locais e atônomas. Geralmente fortalecem esses laços através de eventos como feiras, bazares, workshops… na internet, expandem seus contatos e oportunidades através de grupos voltados para economia colaborativa e criativa. Enquanto para facilitar a vida de muitas mães solo, muitas revezam cuidando dos filhos das outras para facilitar o trablho e estudo e por aí vai.

Empoderamento pessoal

Antes de provar para o mundo que é uma mulher capaz de resolver suas questões e ajudar as próximas, é preciso se fortalecer mentalmente. Então, antes de mais nada, pergunte-se se você está forte o suficiente para enfrentar o mundo. Aliás, está tudo bem se não estiver, basta procurar uma terapia para se fortalecer. É preciso exercitar o auto cuidado e tirar um tempo para se amar acima de tudo.

Mulheres são tão capazes quanto homens. Mas precisamos nos unir, criar redes de apoio mais sólidas, colocar mulheres inteligentes em cargos que nos representam e entender que o empoderamento vem, primeiramente, de dentro. É preciso aceitar sua própria essência para poder auxiliar outras mulheres.

E você, conhece alguma iniciativa que empodera as mulheres? Tem alguma história de empoderamento para contar? Deixe aqui nos comentários!

Links relacionados:

Princípios de Empoderamento das Mulheres

Princípios de Empoderamento das Mulheres pdf

Leia também na Com Sensual:

A COM SENSUAL HOMENAGEIA O DIA E O MÊS DAS MULHERES.

SORORIDADE: DICAS PRÁTICAS PARA APLICAR O CONCEITO NO DIA-A-DIA

AUTOESTIMA, EMPODERAMENTO FEMININO E A JORNADA PELA REPRESENTATIVIDADE

COMO A SORORIDADE CONSENSUAL PODE EMPODERAR AS MULHERES?

IGUALDADE DE GÊNERO: O QUE É ISSO, AFINAL?

deixe o seu comentário