Brasileiras empreendedoras. Como estão mudando o mercado de trabalho?

Feliz Dia internacional das Mulheres! Em homenagem a este dia a Com Sensual vai mostrar as mulheres que estão “bombando” no mercado de trabalho.

Who Run The World? Girls! As mulheres têm mostrado cada vez mais serem uma potência empreendedora e em 2019 isso não foi diferente. Cada vez mais as empreendedoras se destacam no mercado de trabalho.

Empreendedoras com muito orgulho!

Segundo dados da pesquisa Global Entrepreneurship Monitor (GEM) feita em parceria com a SEBRAE, o Brasil registrou a 7ª maior participação feminina entre os empreendedores iniciais. Ou seja, entre aqueles com negócios de até três anos e meio de atividade, em 49 países estudados pela pesquisa. No mesmo ano, 24 milhões de mulheres brasileiras estavam à frente de um empreendimento (formal ou informal) ou realizavam alguma ação visando ter o seu próprio negócio.

Certamente essa área foi dominada por homens durante muito tempo. Aliás, cada vez mais mulheres têm ganhado posição de destaque quando o assunto é empreendedorismo. São mulheres com histórias inspiradoras, que lutaram e nem sempre acertaram de primeira. Mas que no final conseguiram transformar suas ideias, sonhos e desejos em negócios bem-sucedidos e rentáveis. 

Conheça abaixo algumas das mulheres empresárias que são destaque quando o assunto é beauty e moda.

Zica Assis Beleza Natural

Brasileiras empreendedoras. Como estão mudando o mercado de trabalho?

Heloísa Helena Assis, mais conhecida como Zica Assis, trabalhava como babá e doméstica quando começou a pesquisar formas de potencializar seu cabelo natural sem precisar alisá-lo. Então, aos 21 anos, se matriculou em um curso de cabeleireira. Assim, aprofundou seus estudos nas formulações e técnicas que mais davam resultados em cabelos crespos e cacheados. Enfim, após dez anos de testes com produtos químicos, Zica encontrou a receita que tanto procurava e patenteou sua fórmula secreta, o Super-Relaxante. Pois foi em 1993, em parceira com a amiga Leila, com o irmão Rogério e o marido Jair, Zica abriu seu primeiro salão de beleza. Assim surgia o que viria a se tornar o Instituto Beleza Natural.

Além disso, o Instituto dispõe de uma gama de produtos formulados com ingredientes escolhidos a dedo. Aliás, o Instituto Beleza Natural oferece aos clientes serviços especializados para cabelos crespos e cacheados.

Atualmente, o empreendimento conta com mais de 40 unidades espalhadas pelo Brasil. Zica é hoje reconhecida como uma das 10 empreendedoras mais poderosas do país pela revista Forbes Internacional.

Mônica Burgos – Avatim

Brasileiras empreendedoras. Como estão mudando o mercado de trabalho?

A Avatim é uma empresa focada marketing olfativo, responsável pelo cheirinho de ambientes. Enfim, ambientes como o Hotel Copacabana Palace, a Ellus, Água de Coco, Victor Hugo, H. Stern, Arezzo, Colcci e o Teatro Municipal. Hoje, a marca oferece também com uma linha completa de produtos de beleza para a pele que vai desde os sabonetes em barra e hidratantes até aos esfoliantes e sais de banho.

Uma história de sucesso construída pela empresária baiana Mônica Burgos

Nascida em Itabuna, no sul da Bahia, Mônica criou a Avatim em 2002. Após abandonar a carreira de advogada e passar uma temporada no Rio de Janeiro estudando moda. Na época, com 30 anos, mãe de três filhos e divorciada, Mônica nunca deixou que os desafios da vida a impedissem de começar o próprio negócio.

O medo de recomeçar estava lá. Mas Mônica, com a ajuda de César, seu sócio, e da irmã, Lia, responsável por formular os aromas, foi aos poucos construindo seu negócio. Assim foi conquistando clientes e, em 2009, sete anos após o início dessa aventura, abriu sua primeira loja física em Salvador.

Hoje são mais de 1200 revendedoras ativas. Além disso, são 126 franquias da marca espalhadas pelo Brasil. Desde o início, a empresa mantem um crescimento médio de 40% ao ano. Certamente, hoje tem um faturamento milionário.

Juliana Mansur – Undertop

Até 2002, Juliana era dona de uma pequena confecção dedicada a produzir peças para outras marcas. Insatisfeita com o rumo de sua carreira, ela fechou a empresa e ficou 14 anos fora do mercado, dedicando-se a família, até que resolveu empreender novamente.

Durante este período de pausa, Juliana percebeu uma demanda no mercado de vestuário feminino por um tipo específico de peças e foi assim que surgiu a Undertop, marca especializada em body e tops.

Com as ferramentas que tinha no momento, Juliana criou cinco modelos desses tipos de peça desde sua própria casa e passou a vendê-los pelo Instagram. O negócio deu certo e hoje, três anos após o lançamento, a marca opera com e-commerce próprio e loja física no shopping Iguatemi, um dos mais sofisticados de São Paulo.

Atualmente, a Undertop tem faturamento anual de R$ 2,1 milhões.

Jane Muniz – Spa das Sobrancelhas

Brasileiras empreendedoras. Como estão mudando o mercado de trabalho?

O Spa de Sobrancelha é um grande case de sucesso no ramo de beleza brasileiro, mas o caminho de Jane Muniz no mundo dos negócios não foi fácil. Ex-moradora da comunidade do Fubá no Rio de Janeiro, Jane começou a trabalhar ainda criança e teve seu primeiro contato com o mundo da beleza quando foi contratada por uma perfumaria.

Se apaixonou pelo universo da beleza e em 2001, com apenas 19 anos, investiu 8 mil reais e abriu um salão de beleza em parceria com o marido. No início não deu certo, o salão faliu, mas Jane não desistiu. Com o objetivo de pagar seus fornecedores, Jane reabriu o espaço e aos poucos o salão foi ganhando clientes. 

Percebendo a demanda por um serviço focado em sobrancelhas, Jane e o marido arriscaram novamente, venderam o salão e criaram um novo espaço dedicado exclusivamente ao embelezamento do olhar e assim surgiu o Spa da Sobrancelha.

Hoje, 13 anos depois, o spa já conta com 400 franquias espalhadas pelo Brasil e um faturamento  de 93 milhões de reais.

Patricia Bonaldi – Patricia Bonaldi

Brasileiras empreendedoras. Como estão mudando o mercado de trabalho?

Queridinha entre celebridades e fashionistas do Brasil, a estilista Patricia Bonaldi ganhou fama por suas criações de festa impecáveis. Só que não foi apenas o talento como designer que a transformou em um dos maiores nomes da moda brasileira, mas também sua aptidão e visão de negócio. Por isso ela é uma das referências entre as empreendedoras.

A estilista iniciou sua jornada como empreendedora abrindo uma loja multimarca de artigos para festa. Durante este período percebeu o desejo das clientes de terem peças feitas sob medida e customizadas. Foi aí que surgiu a ideia de assinar as próprias peças e lançar a marca que leva seu nome. Em alguns anos a mineira ganhou nome no mercado, a carreira decolou e em 2012 já criava sua segunda marca, a PatBo.

Hoje, a Patricia Bonaldi conta com três lojas próprias e vende suas marcas em centenas de lojas multimarca por todo o Brasil. Além de Europa, Estados Unidos e Oriente Médio. Essa é a prova de que a combinação entre talento, visão de futuro e dedicação pode se transformar em sucesso para as empreendedoras.

Você também sonha em ser dona do próprio negócio? Então talvez 2020 seja o ano de tirar os planos do papel e transformá-los em realidade! Inspire-se nessas empreendedoras e tenha todo sucesso do mundo!

Leia mais na Com Sensual:

Mulheres no poder!

Premio Weps Brasil empoderando mulheres.

Junte-se a nós da Com Sensual:

Clique e siga@somoscomsensual 

Cadastre-se

Clique aqui no logo a seguir e visite o


deixe o seu comentário

UM LANÇAMENTO ESPECIAL
DA NOSSA LOJA COM SENSUAL.


Não esqueça de nos acompanhar nas redes sociais

Email

Nome

Sobrenome

Todos os campos são obrigatórios